Arquivos para o mês de: março, 2011

telecomunicações
Sabemos que a área de telecomunicações é uma das que mais cresce no estado de Pernambuco. Para traçar um panorama da atual situação convidei o meu amigo Gabriel do Nascimento Soares, Analista em Datacenter na “SIM, a sua escolha” para um bate bola sobre o tema. Confira.

DF – Como usuário das redes sociais e profissional da área de telecomunicações, como você vê a interatividade entre essas duas áreas?

Gabriel – Enxergo com bons olhos a união destas duas areas – mídia social virtual e Telecomunicações. É um tipo de negócio que já dá certo em diversos países e ainda vejo como uma novidade no cenário brasileiro.

DF – Com a expansão das indústrias em Pernambuco, você acha que haverá grandes mudanças na área de telecomunicações no estado?

Gabriel – Com certeza o mercado está aquecido e essa área é uma que está em constante crescimento. Como divulgado na imprensa, os novos investimentos que o governo do estado está trazendo junto com indústrias de grande porte, montadoras, empresas fornecedoras diretas, é um retrato do futuro da área. Telefonia (fixa e móvel), transmissão de dados e Internet são serviços básicos não só neste segmento, mas em todo o o segmento industrial existente em todo Brasil. O mercado necessita de pessoal capacitado, e mesmo assim ainda existe pouca mão de obra disponível no estado.

DF – O que você acha que poderia melhorar dentro do cenário atual?

Gabriel – Mais centros de capacitação de mão de obra para a demanda existente e futura.

DF – Na sua visão, quais as tendências para a área de telecomunicações a nível nacional e o que você diria para quem está começando na área?

Gabriel – Ao meu ver, a convergência tecnológica é a tendência atual do mercado. Disponibilizar vários serviços utilizando uma mesma infra-estrutura compartilhada, é que o mercado está buscando. Um exemplo é a Telefonia que hoje já é aplicada em cima de VOIP (dados) e serviços de TV Digital, que utiliza também transmissão de dados, padrões de compactação, etc. Aqui fica a minha dica para quem não quer perder a oportunidade de ingressar neste mercado: leia bastante sobre as diferentes tecnologias para entender as diferentes aplicações dentro do amplo mundo das telecomunicações e capacite-se.

Anúncios

Mídias Sociais

Já virou jargão dizer que “sua empresa deve estar na internet”, mas o que dizer de “sua empresa precisa estar nas mídias sociais”?

Estudos e planejamentos estratégicos envolvendo o marketing digital ficaram cada vez mais frequentes. A explicação mais fácil para esse fenômeno é que a exploração da internet tem tornado o ambiente tecnológico algo mais humanizado. A praticidade fez a quantidade de acessos aumentarem e a troca de informações veio como combustível para ativar a entrada das empresas neste mercado.

Hoje, os blogs e redes sociais reúnem boa parte da população provocando um meio favorável à interação. Informações, ações e promoções chegam em tempo real e servem de atrativo a quem busca por conhecimento ou quer medir o potencial da sua marca. São métricas e mais métricas usadas para difundir um produto ou serviço nas mídias sociais.

O feedback gerado pelas inserções no marketing digital é instantâneo e se não controladas, as ações podem ocasionar uma exposição negativa. Por outro lado, quando bem aceitas, atribuem uma divulgação espontânea e deliberada, já que elas podem ser associadas e integradas via dispositivos. Facebook, Orkut, Youtube, Twitter, Linked In, Foursquare, Flickr e Blogs estão entre as redes mais usadas.

Profissionais são designados para analisar e criar relatórios sobre o que se fala da empresa em cada mídia digital dando um panorama do posicionamento da mesma. Enquanto isso, outros trabalham o conteúdo com dinamismo e coerência em uma linguagem adaptada ao público e mídia que se propõe trabalhar.

Quem participa apoia a iniciativa e indica o uso moderado e de forma estruturada. O baixo custo também atrai quem não possui verba suficiente para fazer propagandas na rua ou mesmo agrega às campanhas on o reforço das off atingindo um número maior de pessoas. O retorno do investimento (ROI) é garantido e para quem ainda não se posicionou, fica a dica.

Procurando maneiras de ajudar diversas pessoas que ainda estão procurando ferramentas e a própria adaptação às mídias sociais, achei um tutorial bem interessante do pessoal da Admit sobre o TweetDeck, uma ferramenta que facilita bastante o uso de diversas redes sociais.
Vale a pena conferir!

Ontem tive um dia bastante produtivo no Fórum de Marketing Digital do Nordeste realizado pela Digitalks no Recife.
Consegui captar um material muito bom sobre mobile, mídias sociais, métricas, e-commerce e outros assuntos para divulgar.
Enquanto boto ordem na casa, segue um vídeo interessante sobre o bê-a-bá do Google Analytics.
Espero que vocês aproveitem!

Foi-se o tempo em que esperávamos arduamente aquele LP do Geraldo Azevedo sair para finalmente termos uma nova música para embalar os corações fervorosos.
Caetano Velozo, Geraldo Vandré, Chico Buarque e tantos outros por muito tempo foram a voz de um povo que clamava dias melhores e varriam as ruas com a certeza de saber o que realmente se passava em suas vidas.
Hoje, fadados ao simples título de mestres da Música Popular Brasileira, invadem os ouvidos dos mais novos como se tivessem feito canções a mercê de quaisquer situações, brigando metaforicamente por um espaço entre a futilidade de diversos artistas atuais e suas obras.
Embora não tenha vivido esta época de luta e exposição do pensamento crítico através dos poemas oprimidos, sinto falta da coerência e afirmação das pessoas que usavam a música para combater o lixo político e assim construirem um país melhor.

Escrevi esse texto em um momento inspirado. Gostei tanto que aproveitei o rascunho para organizar e colocar aqui. O original tinha algumas modificações no final mas que não consegui lembrar. Valeu a pena.